domingo, 13 de maio de 2018

Contabilidade Introdutória - Equipe de Professores da FEA/USP

Título: Contabilidade Introdutória

Autor: Equipe de Professores da FEA/USP


Para ler o livro clique no botão abaixo:





Sempre que o botão acima aparecer você pode clicar para ler o livro da postagem.

Clique no botão "CONTATO", abaixo e responda ao questionário para participar do sorteio de um livro, ou para deixar sugestão para o blog.



Haverá o sorteio de um livro a cada 100.000 visualizações do blog.


Obs.: O livro anexo para ler é somente para facilitar o acesso a quem não tiver condições de adquirir o mesmo em uma livraria, valorize o autor adquira copias originais das obras.
+ Mais Informações ››››››

ANTONIO CARLOS GIL - Como Elaborar Projetos de Pesquisa


Título: Como Elaborar Projetos de Pesquisa

Autor: ANTONIO CARLOS GIL


Para ler o livro clique no botão abaixo:





Sempre que o botão acima aparecer você pode clicar para ler o livro da postagem.

Clique no botão "CONTATO", abaixo e responda ao questionário para participar do sorteio de um livro, ou para deixar sugestão para o blog.



Haverá o sorteio de um livro a cada 100.000 visualizações do blog.


Obs.: O livro anexo para ler é somente para facilitar o acesso a quem não tiver condições de adquirir o mesmo em uma livraria, valorize o autor adquira copias originais das obras.
+ Mais Informações ››››››

segunda-feira, 16 de abril de 2018

Antonio Carlos Gil - Métodos e Técnicas de Pesquisa Social

Título: Antonio Carlos Gil

Autor: Métodos e Técnicas de Pesquisa Social


Para ler o livro clique no botão abaixo:

https://drive.google.com/file/d/1-A4Kamd5d0WAq-R9KsF85eYdfqbpDjnA/view?usp=sharing



Sempre que o botão acima aparecer você pode clicar para ler o livro da postagem.

Clique no botão "CONTATO", abaixo e responda ao questionário para participar do sorteio de um livro, ou para deixar sugestão para o blog.



Haverá o sorteio de um livro a cada 100.000 visualizações do blog.


Obs.: O livro anexo para ler é somente para facilitar o acesso a quem não tiver condições de adquirir o mesmo em uma livraria, valorize o autor adquira copias originais das obras.



Descrição
Os levantamentos constituem a modalidade de pesquisa mais difundida no campo das Ciências Sociais e correspondem à maioria das pesquisas desenvolvidas por alunos dos cursos de graduação em Ciências Sociais, Psicologia, Pedagogia, Serviço Social e Comunicações.

Este livro constitui um manual de procedimentos básicos para o desenvolvimento de pesquisas sociais, sobretudo daquelas que são definidas como levantamentos. Diferentemente dos textos convencionais que têm como objetivo tratar exaustivamente dos mais diversos métodos e técnicas de pesquisa social, ou dos que objetivam constituir-se em obras introdutórias à metodologia científica, ou dos que sintetizam os procedimentos necessários à elaboração de trabalhos universitários e relatórios de pesquisa, este livro apresenta algumas peculiaridades que fazem dele uma obra significativa: trata dos problemas fundamentais das Ciências Sociais e de seus métodos, proporcionando os elementos necessários para a sua caracterização no quadro geral das ciências. A opção por privilegiar o ensino dos procedimentos necessários à realização de levantamentos baseia-se em sólida experiência do autor no ensino de Métodos e Técnicas de Pesquisa.

Em síntese, a obra trata da natureza da Ciência Social, dos métodos das Ciências Sociais, da pesquisa social, da formulação do problema, da construção de hipóteses, do delineamento da pesquisa, da operacionalização das variáveis, da amostragem na pesquisa social, da entrevista, do questionário, das escalas sociais, dos testes, da utilização de documentos, da análise e interpretação, do relatório de pesquisa.
+ Mais Informações ››››››

sexta-feira, 13 de abril de 2018

Ceumar - Discografia

CEUMAR
Itanhandu, MG


Nascida na cidade de Itanhandu, interior de Minas Gerais, a caçula de três meninas. De família musical, seu avô materno era regente de orquestra e tocava tuba, seu pai, Clélio, na juventude foi cantor do grupo local Trinhandu, e com sua mãe, Wilmar, escutava as novidades que tocavam no rádio. Estudou piano e teoria musical na infância ao lado das irmãs Clélia e Cilene. Começou a tocar violão aos 16 anos. Ainda na adolescência ganhou o primeiro prêmio num festival local de música. Com 18 anos foi fazer cursinho em Belo Horizonte e ingressou na Fundação de Educação Artística, onde estudou design gráfico, violão clássico e canto. Nessa época começou a cantar na noite, chegando a fazer backing-vocals e gravações de jingles. Fez seu primeiro show, " 30 músicas que você não ouve no rádio", na cidade deItajubá (MG), cidade onde estudou dança, teatro e inglês. Em 1994 morou em Salvador por 8 meses, chegando a cantar no carnaval.Mudou-se para São Paulo em 1995, fazendo o show de inauguração de um bar na Alameda Tietê. Apresentada pela amiga Rossana Decelso aos compositores Chico César e Zeca Baleiro, começou a ganhar músicas inéditas deles para cantar em shows. Em 1996 apresentou a música "Dindinha" (Zeca Baleiro) no Festival de Avaré, sagrando-se vencedora. Lançou o primeiro CD em 2000, "Dindinha", produzido por Zeca Baleiro, com destaque para sua gravação da música "Dindinha" (Zeca Baleiro), música relativamente bem executada em algumas emissoras de rádio do país. Considerada uma das melhores cantoras da nova safra da MPB, já participou de vários programas de televisão em São Paulo, como o "Viola, minha viola', de Inezita Barroso e o programa Bem Brasil, da TV Cultura. Em 2003 saiu seu segundo CD, "Sempre Viva". Em 2006 lançou em dupla com o compositor e violonista Dante Ozzetti o Cd "Achou", onde todas as músicas foram compostas por Dante em parceria com diversos nomes, como Chico César, Zélia Duncan, Zeca Baleiro e Luís Tatit, e com participações de músicos renomados, como Bocato, Swami Jr. e Tuco Marcondes. Em 2009 lança o CD "Meu Nome", gravado ao vivo, onde Ceumar investe em suas próprias composições. Em 2010 sai o Cd "Ceumar & Trio Live in Amsterdam". Em 2014 sai o CD "Silencia".

DISCOGRAFIA

Cliques nas CAPAS para ouvir as Música, e conhecer o trabalho da artista, contribua com o desenvolvimento da CULTURA adquira CDs originais, diga não a pirataria.

1999 - Dindinha (Atração Fonográfica)
1. Dindinha (Zeca Baleiro)
2. Banzo (Itamar Assumpção)
3. Galope rasante (Zé Ramalho)
4. Cantiga (Zeca Baleiro)
5. Maldito costume (Sinhô)
6. As perigosas (Josias Silva Sobrinho)
7. Boi de haxixe (Zeca Baleiro)
8. Rosa Maria (Josias Silva Sobrinho) - com Itamar Assumpção
9. Geofrey, a lenda do ginete (Chico César)
10. Gírias do norte (Jacinto Silva / Onildo Almeida)
11. Pecadinhos (Zeca Baleiro / Tata Fernandes)
12. Olha pro céu (Luis Gonzaga / José Fernandes)
13. Let it grow (M. Dunford / B. Thatcher)



2003 - Sempre Viva (Elo Music)
1. Prenda Minha (Gero Camilo)
2. Boca da Noite (Ceumar / Chico César / Tata Fernandes)
3. O Seu Olhar (Paulo Tatit / Arnaldo Antunes)
4. Parede-Meia (Kléber Albuquerque)
5. Outra Era (Fagner / Zeca Baleiro)
6. Avesso (Ceumar / Alice Ruiz)
7. Joelmir Beting, a Canção (Kléber Albuquerque)
8. Onde Qué (Sérgio Pererê)
9. Lá (Péri)
10. Vira Lixo (Chico César / Suely Mesquita)
11. Maravia (Dilú Mello / Jairo José)
12. São Genésio (Tata Fernandes / Gero Camilo)
13. Rãzinha Blues(Lony Rosa)




2006 - Achou! (MCD World Music) - com Dante Ozzetti
1. Pra Lá (Dante Ozzetti / Luís Tatit)
2. Partidão (Dante Ozzetti / Zeca Baleiro)
3. Achou! (Dante Ozzetti / Luís Tatit)
4. Alguém Total (Dante Ozzetti / Luís Tatit)
5. Alto Mar (Dante Ozzetti / Luís Tatit)
6. Parei Querer (Dante Ozzetti / Zélia Duncan)
7. Parte B (Dante Ozzetti / Alzira espíndola)
8. Saia Azul (Dante Ozzetti / Chico César)
9. Visões (Dante Ozzetti / Luís Tatit)
10. A Tardinha (Dante Ozzetti / Luís Tatit)
11. Praga (Dante Ozzetti / Luís Tatit)
12. Lenha na Quentura (Dante Ozzetti / Kléber Albuquerque)



 
2009 - Meu Nome (Circus Produções Fonográficas)
1. Reivento (Ceumar / Estrela Ruiz Leminski)
2. Parque da paz (Ceumar)
3. Planeta coração (Ceumar)
4. Nariz do palhaço (Ceumar / Tata Fernandes)
5. Jabuticaba madura (Ceumar)
6. Samba pra Fabi (Ceumar) - com Fabiana Cozza
7. Gira de meninos (Ceumar / Sérgio Pererê) - com Sérgio Pererê
8. Oiá (Sérgio Pererê) - com Sérgio Pererê
9. Mãe (Ceumar)
10. Meu mundo (Ceumar / Tata Fernandes)
11. Nada combinado (Ceumar)
12. Mochila de porquês (Ceumar / Gero Camilo)
13. Um dia de chuva (Yaniel Matos / Du Moreira / Ricardo Mosca / Ceumar)
14. Dança (Yaniel Matos / Ceumar)
15. Meio bossa (Ceumar)
16.Feliz e triste (Ceumar / Kléber Albuquerque)
17. Oração do anjo (Ceumar / Mathilda Kóvak)
18. A comadre (Ceumar / Etel Flores)
19. Maracatubarão (Ceumar)
20. Ciranda (Dante Ozzetti / Ceumar)

2010 - Ceumar & Trio - Live in Amsterdam (Mendes/Coelho)
1. Oração do Anjo (Ceumar / Mathilda Kóvak)
2. Banzo (Itamar Assumpção)
3. Dindinha (Zeca Baleiro)
4. Iá Iá (Zeca Baleiro)
5. Jabuticaba Madura (Ceumar)
6. Pecadinhos (Zeca Baleiro / Tata Fernandes)
7. Dança (Yaniel Matos / Ceumar)
8. Gírias do Norte (Jacinto Silva / Onildo Almeida)
9. Gira de Meninos (Ceumar / Sérgio Pererê)
10. Applause




 
2014 - Silencia (Independente)
1. Rio Verde (Ceumar / Gildes Bezerra)
2. Liberdade (Ceumar / Gildes Bezerra)
3. Encantos de Sereia (Osvaldo Borgez)
4. Chora Cavaquinho (Ceumar / Sérgio Pererê)
5. Penhor (Ceumar / Gildes Bezerra)
6. Levitando (Ceumar / Déa Trancoso)
7. Engasga Gato (Kiko Dinucci / Fabiano Ramos Torres)
8. Justo (Ceumar / Tatá Fernandes / Kléber Albuquerque)
9. Segura O Coco (Ceumar / Di Freitas)
10. Quem É Ninguém (Vitor Ramil / Roger Scarton)
11. Navegador (Ceumar / Nando Távora)
12. Turbilhão (Miltinho Edilberto)
13. Silencia (Ceumar)
+ Mais Informações ››››››

quinta-feira, 12 de abril de 2018

A ROSA DO STF

Porto alegre, 11 de abril de 2018
Juremir Machado

Diz-se, desde muito tempo, que uma rosa é uma rosa e que a rosa não tem porquê. Diz-se também que cada rosa exala o perfume que rouba dos nossos jardins. Resta saber se há coerência na rosa que desabrocha sob os holofotes. Será que ela se contradiz para satisfazer seus admiradores? A Rosa do STF declarou ser favorável à presunção de inocência até o trânsito em julgado como consta no inciso LVII do artigo 5º da Constituição Federal. Mas votou, quando do julgamento do espinhoso Habeas Corpus do ex-presidente Lula, contra a sua convicção por desejo de coerência com a jurisprudência adotada pelo colegiado em 2016, ou seja, a prisão depois da condenação em segunda instância.

A Rosa que floresce em Brasília afirmou que se dobrava à regra do jogo em vigor mesmo não concordando com ela. Acontece que, como circula em sites especializados em assuntos jurídicos, cerca de 15 dias antes do seu voto, que abriu caminho para a prisão de Lula, ela votou, em outro HC, numa decisão monocrática, solitária, de maneira oposta. Justificou-se desta maneira: “Às fls. 3.056-62, o Ministério Público Eleitoral requereu o imediato cumprimento do início da pena, com a expedição da respectiva guia de execução, pelo que determinei fosse aguardado o desfecho da controvérsia no Supremo Tribunal Federal, diante do ajuizamento das ações declaratórias de constitucionalidade 43 e 44, sem prejuízo da regular tramitação do recurso no TSE. É o relatório. Decido”. Qual é a rosa que vale?

Talvez se saiba quando o ministro Marco Aurélio Melo cumprir a promessa de bater na mesa para forçar o julgamento das tais ADCs citadas no despacho de Rosa Weber para não determinar a prisão dos “pacientes” do Rio Grande do Norte que pediram para não ser presos antes do trânsito em julgado e foram por ela atendido. Por que Rosa votou de um jeito em 20 de março e de outro em 4 de abril? As rosas não têm porquê. As decisões de justiça sempre se baseiam em alguma particularidade que os jardineiros comuns desconhecem e não compreendem. As contradições são chamadas de interpretações fáticas. As conveniências são envoltas em considerações jurídicas herméticas e pomposas.

Uma rosa é uma rosa e não pode ser confundida com o roseiral. Cada rosa é única, embora, como num holograma, represente as rosas do seu universo. Uma rosa está no roseiral assim com o roseiral está na rosa. O STF transformou-se num campo de guerra. Nele, a Rosa pode se despedaçar e ser levada pelos ventos e temporais. A tese do aparelhamento desabou. Ministros indicados por José Sarney, Fernando Collor e FHC defendem as pretensões de Lula. Cinco dos sete indicados por Lula e Dilma votaram contra os interesses do ex-presidente. Rosa ficou dividida. Uma pétala para cada lado. Um voto para cada paciente. O que fará hoje: mal me quer, bem me quer, hoje voto com você?

O voto destoante da Rosa, entre mais de 50 com o perfume da “colegialidade”, não ganhou destaque na grande mídia, assim como foi praticamente ignorado o áudio com uma voz pedindo que Lula fosse jogado pela janela do avião que o levava para a prisão em Curitiba. O jurista Lenio Streck, na sua coluna no site Conjur, espantou-se: “A ministra Rosa Weber fez no recurso eleitoral o oposto do que fez no HC de Lula, com pouco mais de dez dias de diferença entre as decisões”. Por quê?

No país das conveniências, o PEN, que contratara o advogado mais caro e midiático do país, para derrubar a prisão em segunda instância, mudou de ideia. Se Lula está preso, o trânsito em julgado não interessa mais. Cada rosa tem seu perfume e sua hora de desabrochar. Alguma pode ser colocado sobre a lápide da Constituição. Mas aí já fica dramático demais. O STF está mais para tragicomédia.

http://www.correiodopovo.com.br/blogs/juremirmachado/2018/04/10788/a-rosa-do-stf/
+ Mais Informações ››››››

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Joe Euthanázia - Discografia

Nome: Joe Euthanázia
Dados Artísticos: Iniciou a carreira em meados da década de 1970, quando participou dos festivais "Musi-PUC", em 1975, e "Califórnia da Canção Nativa", no ano seguinte. Logo depois, mudou-se para o Rio de Janeiro tornando-se membro da banda de apoio de Ivan Lins.
A partir de 1978, passou a compor com Neuzinha Brizola, resultando dessa parceria o sucesso "Mintchura", gravada por ela, em 1983. No ano seguinte, lançou-se em carreira solo lançando o compacto "Me leva pra casa", pela CBS, tendo como músicos de apoio Paulo Simas (teclado), Marcos Lessa (baixo) e Lobão (bateria).
Em 1985, participou da coletânea lançada pela CBS "Que delícia de rock". Ainda no mesmo ano, gravou pela RCA um LP intitulado "Tudo pode mudar", do qual se destacou a faixa-título, composta em parceria com o poeta e letrista Ronaldo Santos.


Discografia.
Clique nas capas para ouvir as musicas, conheça a obra do artista e adquira CDs originais, diga não a Pirataria. 
1989 - Joe Euthanázia


















1984 - Me Leva Pra Casa














1983 - Mujer Ingrata



















1985 - Tudo Pode Mudar















+ Mais Informações ››››››

sexta-feira, 6 de abril de 2018

Juremir Machado da Silva – Getúlio

Título: Getúlio

Autor: Juremir Machado da Silva


Para ler o livro clique no botão abaixo:

https://drive.google.com/file/d/1din2rbRMTnArwOunysCyQAM1o0w9nKsL/view?usp=sharing



Sempre que o botão acima aparecer você pode clicar para ler o livro da postagem.

Clique no botão "CONTATO", abaixo e responda ao questionário para participar do sorteio de um livro, ou para deixar sugestão para o blog.



Haverá o sorteio de um livro a cada 100.000 visualizações do blog.


Obs.: O livro anexo para ler é somente para facilitar o acesso a quem não tiver condições de adquirir o mesmo em uma livraria, valorize o autor adquira copias originais das obras.
+ Mais Informações ››››››

quinta-feira, 5 de abril de 2018

Corso de Talian - Mais um trabalho concluído

Apostilas do Curso de Talian com Jaciano Eccher prontas para ser despachadas para os alunos.

Quer adquirir seu curso acesse o link do Mercado Livre CLICANDO AQUI:

+ Mais Informações ››››››

Juremir Machado da Silva - Um escritor no fim do mundo

Título: Um escritor no fim do mundo

Autor: Juremir Machado da Silva


Para ler o livro clique no botão abaixo:

https://drive.google.com/file/d/1lClf8AvWvw0WczyyIqMrUImQ9S-0WWwh/view?usp=sharing



Sempre que o botão acima aparecer você pode clicar para ler o livro da postagem.

Clique no botão "CONTATO", abaixo e responda ao questionário para participar do sorteio de um livro, ou para deixar sugestão para o blog.



Haverá o sorteio de um livro a cada 100.000 visualizações do blog.


Obs.: O livro anexo para ler é somente para facilitar o acesso a quem não tiver condições de adquirir o mesmo em uma livraria, valorize o autor adquira copias originais das obras.
+ Mais Informações ››››››

quarta-feira, 4 de abril de 2018

Juremir Machado da Silva - Jango: A Vida e a Morte no Exílio

Título: Jango: A Vida e a Morte no Exílio

Autor: Juremir Machado da Silva


Para ler o livro clique no botão abaixo:

https://drive.google.com/file/d/1dFNmXQnT2Y2Sjx1NUvv44Co4VDk7626C/view?usp=sharing



Sempre que o botão acima aparecer você pode clicar para ler o livro da postagem.

Clique no botão "CONTATO", abaixo e responda ao questionário para participar do sorteio de um livro, ou para deixar sugestão para o blog.



Haverá o sorteio de um livro a cada 100.000 visualizações do blog.


Obs.: O livro anexo para ler é somente para facilitar o acesso a quem não tiver condições de adquirir o mesmo em uma livraria, valorize o autor adquira copias originais das obras.
+ Mais Informações ››››››

terça-feira, 3 de abril de 2018

Juremir Machado da Silva - História Regional da Infâmia

Título: História Regional da Infâmia

Autor: Juremir Machado da Silva


Para ler o livro clique no botão abaixo:

https://drive.google.com/file/d/1r3pUAom12bAOyXKDNREIrx5Qsf_7CSQj/view?usp=sharing



Sempre que o botão acima aparecer você pode clicar para ler o livro da postagem.

Clique no botão "CONTATO", abaixo e responda ao questionário para participar do sorteio de um livro, ou para deixar sugestão para o blog.



Haverá o sorteio de um livro a cada 100.000 visualizações do blog.


Obs.: O livro anexo para ler é somente para facilitar o acesso a quem não tiver condições de adquirir o mesmo em uma livraria, valorize o autor adquira copias originais das obras.
+ Mais Informações ››››››

segunda-feira, 2 de abril de 2018

Tragédia em Blumenau, veículo é tragado pela enxurrada

Oque era pra ser uma chuva normal, se tornou numa grande desgraça para varias famílias que já se recuperavam de uma outra situação em Janeiro deste mesmo ano.

As pessoas estão precisando de ajuda quem puder colaborar entre em contato pelos fones: 47-3288-3398 - 47-9-9725-9898

+ Mais Informações ››››››

Juremir Machado da Silva - A Sociedade Midíocre

Título: A Sociedade Midíocre

Autor: Juremir Machado da Silva


Para ler o livro clique no botão abaixo:

https://drive.google.com/file/d/1p_2QFkvcaCOq4PiNYQnZGilmvviu1_pV/view?usp=sharing



Sempre que o botão acima aparecer você pode clicar para ler o livro da postagem.

Clique no botão "CONTATO", abaixo e responda ao questionário para participar do sorteio de um livro, ou para deixar sugestão para o blog.



Haverá o sorteio de um livro a cada 100.000 visualizações do blog.


Obs.: O livro anexo para ler é somente para facilitar o acesso a quem não tiver condições de adquirir o mesmo em uma livraria, valorize o autor adquira copias originais das obras.
+ Mais Informações ››››››